Portaria virtual, análises necessárias

As novas tecnologias vêm proporcionando um grande impacto na vida cotidiana das pessoas. As empresas que oferecem serviços de portaria eletrônica promovem a tecnologia como um fator de praticidade e economia de forma inconteste. A ideia de substituir o porteiro pela máquina pode ser uma ideia da modernidade, porém, exige estudo, cuidado e uma série de análises críticas antes da decisão final.

Segurança é um elemento que transcende a proposta de economia com encargos trabalhistas e reduções com a folha de pagamento do condomínio. É bem verdade que a aquisição dos equipamentos e a aplicação do serviço de monitoramento virtual podem proporcionar, segundo especialistas no assunto, uma redução real de até 40% dos gastos com funcionários.

Porém, uma consultoria jurídica e tecnológica precisa ser acionada para orientar de forma pertinente e coerente os condôminos diante de todas as vantagens e desvantagens que o sistema promove.

Cada condomínio, devido sua posição geográfica, inclusão na comunidade, sem esquecer de todos os quadros de instabilidade na segurança pública que o nosso país vem enfrentando, exige de forma criteriosa um bom estudo para aplicação real e do bom funcionamento desse tipo de operação.

Se seu condomínio tem muitas crianças, pessoas de idade avançada, pessoas de forte frequência de hábitos noturnos, algum tipo de instabilidade na rede elétrica, problemas com área de risco e insegurança constante, o sistema pode ser um forte aliado somando seu serviço ao serviço do profissional da portaria.


A substituição do profissional por um sistema virtual precisa ser cautelosamente analisada.


As portarias virtuais ou remotas funcionam assim: uma empresa de monitoramento de condomínio oferece uma central com profissionais que passam o dia analisando as câmeras de segurança e observam todos os movimentos dos entornos do prédio.

Nessa central, esses profissionais realizam o mesmo trabalho do porteiro presencial. Exigem documentos para um visitante antes de entrar, podem realizar o cadastro de visitantes em tempo real, dependo da empresa até biometria pode ser oferecido.

Agora, antes da contratação desse tipo de serviço, um estudo criterioso da aplicação do mecanismo precisa ser avaliado. A alimentação com a rede elétrica precisa ser certificada e garantida, para caso aconteça alguma queda ou paralisação nos serviços de energia.

É necessário que todos os condôminos tenham plena consciente de todos os riscos e que todos estejam cientes de qualquer problema que poderá ser causado por qualquer interrupção com a central de monitoramento.

É uma economia que precisa ser muito bem avaliada. Planejar seu condomínio é indispensável!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s